Lixo Zero: o guia do iniciante

Adotar um estilo de vida sem desperdícios pode parecer um desafio desgastante. Afinal, será que teremos que abandonar todos os nossos hábitos atuais? Eu também sou iniciante nesse assunto, mas já descobri coisas úteis e que não doem nem um pouco. São mudanças pequenas que geram grandes impactos! 🙂

Antes de modificar drasticamente a minha rotina, procurei por pequenas coisas que poderia fazer a partir do que eu já tinha em casa. Não é necessário comprar um “kit lixo zero” e se livrar de todos os seus objetos antigos (isso também seria desperdício, não é?). Trata-se de usar muito do que já se tem da melhor forma possível, além de fazer escolhas sobre o que entra ou não na sua rotina. Mas e então, por onde começar?

Troque os guardanapos de papel pelos de pano. 


Além de servir para limpar a boca e as mãos, eles também são bons para enrolar alimentos como frutas e grãos para viagem. Com um pequeno estoque de guardanapos de pano (uns três ou quatro), sempre dá para usar um limpinho enquanto o outros estão lavando.

Leve uma garrafa de água reutilizável/copo para todo canto.

IMG_2663

Desde que comecei a diminuir meu lixo, o que mais tem me incomodado é a quantidade de garrafas de plástico que vejo indo e vindo na minha universidade. Cá entre nós, ter uma garrafa reutilizável ou copo consigo é fácil e você ainda economiza dinheiro.  

Use sacolas de pano para colocar as compras.


Isso muita gente já faz. Eu tenho várias sacolinhas de pano em casa, mas se estivesse no mercado sem uma dessas, acabava usando as de plástico. Pra não ser pego(a) de surpresa, ande sempre com uma na bolsa ou no carro.

Vá mais a feiras.

Screen Shot 2016-06-08 at 1.34.21 PM
Fonte: @andreiat

Frequentando feiras, você valoriza o produtor local, além de aumentar suas chances de adquirir alimentos orgânicos. Mesmo em feiras livres é comum que vários produtos ainda sejam embalados em plástico, mas as alternativas de frutas e vegetais “peladinhos” costumam ser maiores do que em mercados!
Para quem quer conhecer mais feiras de orgânicos em Brasília, dá uma olhadinha aqui.

Recuse.

Ah, o poder de dizer não!

Quando se deparar com brindes, reflita: eu preciso mesmo disso? Só Deus sabe quando vamos usar as canetas que ganhamos por aí, por exemplo. Dizer não a parentes e amigos pode ser mais complicado. Uma forma sensível de abordá-los é explicar porque gerar menos lixo é importante para você. Claro que não é necessário parar de dar e receber presentes (que eu mesma gosto muito), mas se o seu objetivo for reduzir o número de objetos que entram na sua rotina, pode ser interessante pedir e dar coisas que serão úteis no dia a dia. Também é sempre legal sugerir que, ao invés de trocar objetos, vocês compartilhem experiências juntos, ou quem sabe uma refeição especial. 😉

Persista!

Quando nos livramos de produtos descartáveis, começamos a vê-los em todo canto. Pode ser bem frustrante, mas não desista! A mudança que queremos ver no mundo só ocorre se nos posicionarmos a favor dela. E juro, com o tempo você vai se sentir mais saudável e feliz.

 

Anúncios

5 comentários em “Lixo Zero: o guia do iniciante

  1. Ja, man kan ju fråga sig varför det skulle vara priaelmbtoskt att lära någon med niqab i Sverige, då det går så bra i många andra länder. På mitt universitet finns det många elever med niqab, jag har aldrig hört talas om att det skulle vara något problem. Jag tror vi alla vet vad det handlar om.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s